Quanto custa viajar por um ano – Casos Reais!

INSPIRE-SE

Quanto custa viajar por um ano – Casos Reais!

Rubiana Ozturk
Escrito por Rubiana Ozturk

Essa é a pergunta que vale um milhão de dólares! Quanto custa viajar por um ano, fazendo um sabático, volta ao mundo ou mochilão!

Eu já encontrei viajantes com todos os orçamentos possíveis.

Daqueles que viajavam super apertados, pegando caronas para economizar com o transporte até aos que pagavam 500 dólares para fazer uma tatuagem com nativos locais.

Depois de muita pesquisa, contas das minhas viagens e perguntas aos coleguinhas, confira abaixo quanto custa viajar pelo mundo por um ano, e planeje-se para viver essa experiência única e maravilhosa!

VAMOS AOS NÚMEROS!

Veja o orçamento diário por pessoa versus o que você pode esperar da sua viagem pelo mundo por um ano com esse valor:

Menos de 25 dólares por dia                       TOTAL:  De R$0 há 30 mil.

Sim, é possível viajar o mundo gastando quase nada!

Esse orçamento é para aqueles que possuem um espírito mais aventureiro e desapegado ou então decidiram colocar em prática as diversas formas de se fazer turismo colaborativo que estão disponíveis hoje em dia!

A Aline Campbell escreveu um livro sobre sua viagem pela Europa sem nenhum centavo no bolso! Sim, ela viajou com a passagem de ida e volta, um roteiro definido e nenhum real no bolso.

Ela fez essa viagem como um projeto pessoal, sobre a relação das pessoas com o dinheiro, focando principalmente nas relações pessoais e na colaboração.

Seu livro conta sua trajetória por 14 países e é cheio de aventuras, perrengues e muita história legal.

Ela viajou  somente de carona, trocou trabalho por hospedagem e comida, usou muito a plataforma colaborativa para hospedagem coushsurfing.

Aline é um grande exemplo de como é possível, se você estiver disposto a isso, a viajar praticamente de graça.  Seu livro você pode ler de graça em pdf aqui.

Destinos: Para quem viaja nesse formato, não importa se o destino é caro ou barato, isso não vai mudar o formato da viagem.

Outros exemplos de quem fez:

  • Conheci a Mariah na Tailândia. Sozinha e sem falar inglês, ela viajou por três meses pela Ásia com orçamento total de dez mil reais. Após a compra das passagens e gastos iniciais, sobrou 16 dólares por dia. Leia a matéria aqui.

A passagem de ida e volta já estava comprada, ou seja, se ela continuasse viajando com os 16 dólares por dia por destinos baratos pelos 9 meses restantes, seriam:

270 dias x 16 dólares x R$ 3,90 cotação do dólar atual = R$ 16.800 mil reais + os dez mil reais que ela gastou nos três meses, totaliza R$ 26.800 mil reais.

  • Esta matéria no hypeness é de um casal viajando o mundo sem dinheiro, que ilustra bem o perfil desses viajantes com orçamento bem apertado ou próximo a zero.
  • Esse vídeo da palestra do TEDx do Rogerio é muito inspiradora e cheia de aprendizados, vale muito a pena assistir os 16 minutos em que ele conta o que aprendeu viajando sem dinheiro pelo Brasil e pelo mundo.

Ha muitos exemplos pela internet de pessoas viajando sem dinheiro pelo mundo. Se você considera essa opção, da uma pesquisada e se inspire!

Faça Parte da Nossa Comunidade e Receba Conteúdos Exclusivos em Primeira Mão!

25 dólares por dia x 365 dias x R$ 3,90                       TOTAL: R$ 35.587

Com esse orçamento é possível viajar por um ano, mas sem considerar os países mais caros, como Europa ou os Estados Unidos. É preciso um bom controle do orçamento no dia a dia para não extrapolar.

Hospedagem: Para quem viaja sozinho, o hostel é mais indicado por vários motivos, não somente financeiro. Já para casal pode sair mais em conta quarto privado em  hoteis, airbnb e outros, dependendo o país.

Alimentação: Priorizando cozinhar em hostels,  ou na casa do seu host.

Trabalho na viagem: Fontes de rendas alternativas ou trocar alimentação e hospedagem por trabalho também é muito comum neste orçamento de viagem.

Transporte: No quesito transporte, é priorizado meios mais baratos, ficando os voos de avião somente para o start da viagem, dependendo do destino escolhido, e ainda com uma boa promoção.

Destinos: Sudeste Asiático: Tailândia, Vietnã, Laos, Camboja, Indonésia, vários países da América Latina, África e América central, Índia, só para citar alguns entre muitos destinos onde a moeda local é desvalorizada em relação ao real e o custo de vida pode ser baixo.

Esses são os destinos mais escolhidos para quem viaja pelo mundo com o orçamento justo.

Exemplos de quem fez: Casal carioca  e  Carol Moreno em 2015

50-60USD por dia x 365 dias x R$ 3,90            TOTAL: R$ 71.175 – R$ 85.410

Esse é o orçamento mais comum para maioria dos viajantes que querem passar por destinos mais caros  e ter condições de pagar por experiências de viagem, como um voo de balão, um safari ou algo similar.

Claro que em todo orçamento isso é possível, mas neste valor você fica mais tranquilo e talvez você possa escolher mais de um passeio bacana no mesmo destino.

Gasta-se menos nos países baratos e mais do que isso nos países mais caros, equilibrando o valor total, ficando dentro desta média diária no final da viagem pelo mundo.

Faça seu seguro viagem com 10% de desconto

Hospedagem: Você pode se hospedar com um pouco mais de conforto, mas pesquisar bons preços será sempre necessário.

Alimentação: Você pode considerar almoços ou jantares em locais mais bacanas, não diariamente é claro.

Transporte: Na Europa há muitas companhias aéreas de baixo custo, as low cost, com preços super acessíveis. Você pode considerar usar mais esses voos, pois são muitas vezes mais em conta que trem por exemplo.

Trabalho: Opcional, pois com esse orçamento bem controlado não há necessidade de trabalhar, mas tudo depende das suas prioridades durante a viagem.

Destinos: São mais de 180 países para escolher!

Normalmente ficam de fora os destinos super caros, como Japão, países nórdicos: Noruega, Dinamarca, Suíça, entre outros destinos super badalados na Europa e Estados Unidos.

Quem fez:

A Lauren Juliff que já visitou 82 países, esta há mais de 6 anos na estrada e gastou U$ 53,80 em 2015.

Nat e Robson são de itajaí, no sul do Brasil e abrem em detalhes os gastos de seu ano de viagem em seu blog loveandroad.

No blog dos fotográfos Eduardo e Monica, você confere os gastos por região.

Mais de 60 dólares por dia                                        TOTAL: O céu é o limite!

Com este orçamento você pode viajar com muito mais conforto e privacidade.

Pode escolher restaurantes mais requintados e tem condições de não dispensar a sobremesa de 15 dólares!

Bruna e filipe, recém casados, resolveram sair de lua de mel sem data para retorno e contam mais sobre sua aventura e orçamento aqui.

Como vocês viram, existem inúmeras variáveis que influenciam no custo de uma viagem mais longa.

As pessoas normalmente acham que é muito caro pois se baseiam em seus gastos nas férias, mas viajar por vários meses pelo mundo tem poucas similaridades com viagens de férias.

O tempo neste caso funciona perfeitamente a favor do viajante.

LEMBRETES

#Ajuste a sua viagem ao dinheiro disponível. Mas não deixe de viajar.

#O Couchsurffing, house e pet sitting e outras formas colaborativas de viajar não ficam de fora da lista em qualquer orçamento, pois seu valor esta muito além da questão financeira.

É um estilo de viagem, que lhe traz muito contato com a cultura e moradores locais. É usado mais pela experiência que proporciona do que pelo fato de ser gratuito ou muito barato.

Qual a graça de viajar o mundo e ficar sempre em hotel e ter contato somente com outros turistas?

#Viajar por um ano pode custar menos que viajar por um mês durante as férias ou então menos que seu atual custo de vida no Brasil.

E aí, o que você achou? Caro, barato, possível ou impossível?

Faça Parte da Nossa Comunidade e Receba Conteúdos Exclusivos em Primeira Mão!

Adoraríamos saber sua opinião!

O que você achou deste artigo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Replies to “Quanto custa viajar por um ano – Casos Reais!”

Caio

Obrigado por citar a gente no seu artigo! Muito legal fazer parte desse texto junto de tantos amigos como a Nat e o Rob e a Monica e o Edu!

Rubiana Ozturk

Olá Caio! que show, prazer é nosso poder compartilhar informações de viajantes experientes para ajudar quem quer embarcar nessa!